Patologia da ColunaPatologia da Coluna

By engevibra

DICAS IPC: saiba como prevenir dores nas costas durante a gravidez

A dor lombar ou lombalgia é um problema de saúde recorrente. A gravidez, por exemplo, é uma das condições que predispõem as mulheres a terem dor nas costas. Muitas grávidas consideram que essas dores lombares sejam uma parte normal da gravidez e esperam que desapareçam espontaneamente após o parto, mas essa condição deve ser considerada como um evento a se prestar atenção.

Para algumas mulheres, as dores lombares na gravidez podem ser o início de um problema crônico, causando prejuízo físico considerável.

As dores nas costas correspondem à complicação mais comum na gestante. Isto ocorre devido às importantes mudanças da estrutura do corpo da mulher ao longo da gestação. Com o desenvolvimento e crescimento do bebê, o centro de gravidade da gestante se desloca para frente. Para compensar esta mudança ela curva-se para trás, aumentando sua curvatura lombar (lordose).

Além desta compensação postural, atividades diárias passam a exigir esforços do corpo de forma diferente. Sem um preparo muscular adequado certamente vai acontecer uma sobrecarga na coluna, gerando desconforto e dores.

Atividades físicas e alimentação adequada são indicadas para manter a futura mãe saudável física e psicologicamente. Exercícios de baixo impacto como caminhadas, hidroginástica, natação e yoga são ideais para a manutenção da musculatura, o que auxilia para uma natural readaptação do corpo à nova estrutura.

Alongamentos realizados de forma correta são sempre fonte de relaxamento e alívio de dores localizadas. Utilize-os, mas não abuse, pois a alteração dos hormônios nesta fase pode levar a uma frouxidão dos ligamentos dos músculos.

Quando as dores são inevitáveis, programas personalizados de fisioterapia e massoterapia são úteis para alívio e contínua prevenção. Apesar de estar fisicamente apta a realizar diversas tarefas, a gestante deve tomar cuidados redobrados para evitar acidentes, pois como dito anteriormente, o corpo da mulher grávida está diferente e assim, são mais recorrentes os incidentes. Também é muito importante manter uma boa alimentação. E claro, o cigarro e a ingestão de bebidas alcoólicas devem ser evitados, pois podem causar sérios danos à criança.

Redobre os cuidados com a sua saúde na gravidez e faça deste período algo prazeroso e inesquecível.

IPC lança segunda edição de sua revista direcionada à comunidade médica
DICAS IPC: saiba como prevenir dores nas costas durante a gravidez